11.6.06

Janela sobre a Copa do Mundo

Começou, afinal, a Copa do Mundo. Na verdade ela já tinha começado há alguns meses, dado o bombardeio verde-amarelo de produtos, propagandas, cobertura jornalística. Parece que estamos na Copa desde janeiro. Já estou até com overdose.
Mas, no futebol mesmo, confesso que até agora nada de espetacular, com excessão do empate (sim, um empate pode ser espetacular, e não apenas algo sem sal ou açucar) entre Suécia e Trinidad e Tobago. Parecia uma final, tanta foi a alegria da seleção desta pequena ilha situada no Caribe. Um zero a zero com sabor de vitória para uns e de amarga derrota para os empolados suecos. Adorei.

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x















Adorei também o documentário O Sol, das cariocas Tetê Amaral e Martha Alencar, que deverá estreiar em 21 de julho. Uma história emocionante contada de uma maneira emocionada sobre um periodo fundamental e decisivo do Brasil.
Era 1967 no Rio de Janeiro, e já o país estava sob o governo militar, mas ainda na ante-sala do AI-5.
A juventude aos poucos vai ocupando o papel protagonista na luta pela democracia e liberdade, seja nas ruas em grandes manifestações, seja através da cultura (teatro, música, cinema) como no acalourado Festival da Record de 67, seja criando um veículo de informação que rompesse o silêncio, como O Sol. Fique de olho!

3 comentários:

  1. Disseram que iam reeditar O Sol... mas depois nunca mais mencionaram. Soube de alguma coisa?

    ResponderExcluir
  2. Anônimo8:25 AM

    Super color scheme, I like it! Good job. Go on.
    »

    ResponderExcluir
  3. Anônimo5:19 AM

    I find some information here.

    ResponderExcluir